Dormir mal faz mal de verdade

Dormir mal faz mal de verdade. Veja como sua saúde é impactada quando você não dorme o suficiente!

Sabia que apenas uma semana com menos de seis horas de sono por noite modifica mais de 700 genes, afetando, por exemplo a imunidade? A descoberta foi feita por pesquisadores britânicos.
Outro dado que merece atenção: as chances de pegar um resfriado são três vezes maior com menos de sete horas de sono por noite, de acordo com especialistas da Universidade Carnegie Mellon, dos Estados Unidos.
E essa? Após apenas uma noite mal dormida, sentimos mais fome e temos vontade de comer mais, segundo o “American Journal of Human Biology. Também optamos por alimentos mais calóricos e pouco saudáveis. Comportamento inimigo de qualquer alimentação saudável e um fator que pode contribuir para a obesidade.
Ainda não está assustado? Pois saiba que dormir mal aumenta também a possibilidade de cochilar ao volante e sofrer acidentes. As chances triplicam, segundo a Drowsydriving.org, da National Sleep Foundation.
Isso sem falar no mau humor e no envelhecimento precoce. Cientistas concordam que a privação de sono crônica deixa a pele com uma aparência desgastada antes do tempo. Quem já emendou uma noite na balada com e expediente no escritório sabe exatamente do que estamos falando.
Outros problemas relacionados às noites mal dormidas são a perda de tecido cerebral – isso apenas em uma noite de sono insuficiente –, você também fica menos focado e tem problemas de memória.
Entre as pessoas de meia-idade, o risco de sofrer um AVC é multiplicado por quatro, segundo a Universidade do Alabama, em Birmingham. E esses são apenas alguns dos males relacionados à falta de sono. Melhor não arriscar! Afofe o travesseiro e bons sonhos.

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.