Planejamento financeiro é essencial para envelhecer com tranquilidade

De acordo com o IBGE, existem hoje aproximadamente 26 milhões de idosos no Brasil, representando em torno de 13% da população. Nós deveríamos lidar com o processo de envelhecimento com naturalidade, mas temos a tendência de viver apenas o presente.  Algumas pessoas ignoram o fato de que irão envelhecer e deixam de se programar para quando a velhice chegar. Essa atitude imediatista é ruim para as finanças no longo prazo.

Quando envelhecemos, nossa renda diminui e os gastos com saúde aumentam. Como o reajuste da aposentadoria nem sempre acompanha a inflação e o idoso geralmente não tem como trabalhar, seu poder de consumo fica cada vez menor. Dessa forma, as dificuldades financeiras podem tornar essa fase da vida dolorosa e angustiante. Por isso, pensar em sua aposentadoria hoje é um ato de inteligência e uma decisão estratégica para uma vida de paz e tranquilidade na velhice.

Infelizmente os dados não são animadores quando falamos em planejamento financeiro para a aposentadoria. Um estudo do Instituto do Envelhecimento da Universidade de Oxford mostra que 48% dos brasileiros de classe média entre 40 e 49 anos não estão preocupados em sobreviver financeiramente na aposentadoria, e acreditam que a sua principal fonte de renda nesta etapa da vida será proveniente do Governo.

Para não depender simplesmente do Governo, é importante que você possa contar com um bom plano de previdência. Nós acreditamos que todos os idosos, aposentados ou não, deveriam desfrutar de sua velhice com dignidade. Conheça agora mesmo nossos planos de previdência e garanta uma velhice tranquila: https://goo.gl/c33kEQ

RELACIONADOS